Caern da USP

Bem incomum para os padrões do Velho Mundo, o Caern da Jararaca abrange várias tribos e geralmente não tem problemas em abraçar novos garous, desde que esses respeitem o local e se mostrem dignos. Tratando-se no maior caern urbano da região Sudeste do país, é comum que ele seja visto como um ponto de referência para todas as tribos — mesmo aquelas que são mais fortes em outros estados, como os Fianna e os Crias de Fenris.

Localização: Cidade Universitária, São Paulo, SP – Brasil
Caern nível: 3
Gauntlet: 4
Tipo:
Estrutura tribal: O Caern da Jararaca, originalmente dominado por Garras Vermelhas, hoje compreende em sua formação fixa — além deles — um grande número de Andarilhos do Asfalto, Crias de Fenris, Fúrias Negras, Roedores de Ossos, Filhos de Gaia, Fiannas e Senhores das Sombras. Também presentes, ainda que em menor número, estão os Portadores da Luz Interior, Uktenas, Wendigos e Presas de Prata.
Totem: O Caern é dedicado à Jararaca, um espírito antigo e poderoso desde antes da fundação da cidade, mas também é comum encontrar oferendas para outros espíritos como o Pégaso, a Barata, o Cervo, o Pai da Cidade, Fenris, Guaxinim e o Pombo.

c7979e7c8dee8bf3c6d62809760f249a
Construção do prédio da reitoria, concluída em 1961

Breve História

Sua formação naturalmente antecede a construção da própria Cidade Universitária. Naquela época, o Caern, toda a região da Fazenda do Butantã e o entorno eram protegidos pelos Garras Vermelha e o Totem da Jararaca já estava na região. Porém, os acontecimentos da Revolução de 1932 fazem os Andarilhos do Asfalto perceberem que o Caern não permaneceria seguro se continuasse apenas com a presença dos Garras Vermelhas e com isso eles decidem tomar as rédeas da situação. Ainda assim, é apenas em 1968 que a construção da Cidade Universitária começa, após uma mudança de liderança dos Garras Vermelha para os Presas de Prata. As obras são supervisionadas por theurges de todas as tribos do Caern para oferecer mais proteção ao coração do local e amenizar o máximo possível os impactos negativos da construção do mesmo.

O interior do Caern é subterrâneo e tem vários acessos espalhados pelos diversos prédios da universidade. Como já era de se esperar, outros habitantes ilustres de São Paulo tem a atenção atraída para a Cidade Universitária e os garous são rápidos em fazer acordos políticos para assegurar que o Caern continue seguro — reza lenda, até mesmo envolvendo fadas.


 

Liderança e Conselho do Caern (em 1990)

Líder: Eduardo Paes de Barros, Olha nos Olhos da Morte (Ahroun Ancião dos Presas de Prata)
Conselheiros: Vinícius Cruz, Snake Eyes (Galliard Athro dos Andarilhos do Asfalto), Maria José Ribeiro, A Luz que Espanta as Sombras da Wyrm (Theurge Athro dos Filhos de Gaia), Dária Borus, Quebra Nozes (Ragabash Athro das Fúrias Negras), Rodrigo Sérgio (Philodox Athro dos Senhores das Sombras).

Advertisements

Published by

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s